Os 5 Fatores de Sucesso do Empreendedor Inovador que compartilha e obtêm comprometimento


Você sabe o que é um empreendedor inovador? Como é esse perfil? Como ele consegue o comprometimento das pessoas para o sucesso de suas idéias? Por que as pessoas são tão importantes para ele? Por que ele compartilha todas as suas idéias e não guarda com segredo de suas estratégias?

O mundo mudou suas relações profissionais. Saímos de um mundo industrial para um mundo de serviços; mundo do produto para o mundo do cliente, mundo do tangível, para o mundo do intangível; mundo do previsível para o mundo volátil. Então precisamos mudar a forma como nós lideramos.

Em 2010 eu criei a palestra “Como as Pessoas se Comprometem?“, onde eu mostrei que o comprometimento é o resultado de 5 fatores:

  1. Admiração
  2. Respeito
  3. Confiança
  4. Paixão
  5. Intimidade

Hoje eu venho me aprofundar mais um pouco sobre o assunto, mostrando os 5 fatores de sucesso do  empreendedor inovador que compartilha e obtêm comprometimento de todos ao seu redor. Esse fatores são essenciais na estratégia de qualquer empreendedor, no lançamento de suas novas estratégias.

Primeiro Fator de Sucesso: Lidere a si mesmo

O Empreendedor Inovador tem que ser competente no auto gerenciamento: liderar a si mesmo. O principal caso de fracasso do empreendedor não é a de liderar equipes, mas de liderar a si mesmo. Comece sendo líder de seu tempo, sua organização pessoal, liderando em sua casa, liderando sua capacidade criativa e, principalmente, liderando sua capacidade de compartilhar idéias e sonhos com seus liderados.

Segundo Fator de Sucesso: Crie um Valor do Intangível

Cabe a este empreendedor ter esta consciência do novo significado de valor percebido para os sócios, colaboradores, clientes e a própria comunidade, dessa nova empresa que valoriza o intangível, ou seja, tudo aquilo que as pessoas não vêem, mas sentem. É isso que garantirá o futuro da organização! Muitas grandes empresas já criam esse valor intangível, mesmo que de forma intuitiva. Porém, é preciso criar uma metodologia de gestão estratégica de forma que idéias mortas sejam finalmente sepultadas.

Algumas antigas idéias e suas conseqüências práticas:

“Você é pago para trabalhar e não para pensar.”

Conseqüência: Na primeira oportunidade em que a pessoa tiver de abandonar a empresa, ela assim o fará. Definitivamente as pessoas não querem mais desperdiçar a sua vida em empresas que não valorizam suas emoções e sonhos. Estou falando do sonho pragmático, com os olhos abertos.

“As mudanças não dão certo, porque as pessoas boicotam.”

Conseqüência: Isso só acontece quando você não compartilha as estratégias com seus liderados. Se as pessoas não são valorizadas pela sua criatividade, seus potenciais de sonhos e de realizações, você não conseguirá levar a sua empresa para frente, porque as próprias pessoas inconscientemente trabalharão para sabotar os planos e sonhos de seus líderes, como forma de protesto. Elas vão mostrar, mesmo que inconscientemente,  que elas são essenciais para a realização de tudo.

“Espremendo os fornecedores, você aumenta o lucro da sua empresa.”

Conseqüência: Acontece que em momentos de crise de sua empresa, o fornecedor não facilitará, pois não há relacionamento de cumplicidade.

“O segredo é a alma do negócio.”

Conseqüência: E se o empreendedor morre, o negócio morre junto com ele. Na verdade, a alma é o segredo do negócio. Ou os líderes compartilham a estratégia ou as pessoas não seguirão a estratégia.

“Meu público-alvo são meus clientes.”

Conseqüência: Pensando assim você ignora e subestima o poder e a capacidade do seu verdadeiro público ajudar o seu negócio a crescer. Na verdade não existe apenas um público-alvo a ser atingido. Crie objetivos estratégicos que busquem a satisfação de todo o seu público:

  • Sócios
  • Acionistas
  • Líderes
  • Colaboradores
  • Parceiros e Fornecedores
  • Sociedade

Portanto, a grande pergunta é: Como fazer com que haja o encantamento de todo o seu público? O primeiro passo é quebrar os paradigmas e criar um novo planejamento estratégico baseado em servir as pessoas.

Terceiro Fator de Sucesso: Simplesmente veja as pessoas

Alcance a alma, o coração e o emocional das pessoas. Extrapole o caráter funcional de produtos e serviços e criar o caráter emocional da sua marca e com isso melhore sua própria marca.

Na hora do planejamento, não dá mais para segregar a “alta gestão” do “chão de fábrica”. O novo empreendedor não vê mais o nível organizacional das pessoas, vê simplesmente pessoas. Pois a tendência do mercado de trabalho é que a simples Retenção de Talento seja vista como “Detenção” de Talentos. E ninguém quer ficar preso a empresas antigas, com ideologias antigas.

Enquanto nas velhas empresas, as pessoas são encorajadas a trazerem apenas o seu lado racional e os seus problemas, sonhos são deixados lado de fora, na empresa do empreendedor inovador, as pessoas são convidadas a entrarem de corpo e alma. Somente assim você gerará o comprometimento com seu empreendimento. Pois só há o verdadeiro envolvimento se você envolver do lado emocional de seu público, onde todos são ouvidos e compartilham seus sonhos, idéias por um ideal e sonho coletivo, idealizado por todos.

Quarto Fator de Sucesso: Comprometa-se com o sucesso das pessoas

Acabou-se a era do empreendedor solitário, o gênio visionário que não tem capacidade de agregar pessoas aos seus sonhos, do empreendedor herói que carrega a empresa nas costas e apenas usa as pessoas para alcançar seus próprios sonhos. Definitivamente essa Era já era! É preciso compartilhar para as pessoas se envolverem. O empreendedor inovador tem a capacidade de agregar pessoas comprometidas não só com sucesso de sua empresa, mas com o sucesso de todos.

A grande pergunta que os empreendedores devem se fazer é: “Eu estou pronto para liderar essa empresa do futuro?” E a resposta deve ser que todos nós precisamos ser humildade em reconhecer que precisamos melhorar e evoluir continuamente para isso. O novo empreendedor aprenderá a liderar seu próprio processo de aprendizado contínuo.

Quinto Fator de Sucesso: Valorize o diálogo com todos

Nesse novo mundo em total reconfiguração, o que funcionava antigamente não é garantia de que funcionará no presente. Estamos migrando do mundo do industrial para o mundo do serviço, no sentido do cliente não comprar apenas o produto físico, mas uma série de coisas que vem atreladas a este produto físico ou seja os benefícios e serviços.

Essa re-industrialização do mercado é o primeiro passo para a empresa existir neste novo mercado. É gastar tempo com as pessoas e as suas necessidades pessoais, de forma que a empresa abra as suas portas para servir aos seus funcionários e a formar os seus próprios funcionários com empreendedores juntos com você.

Claro que resultados financeiros continuarão a ser importantes, mas eles são conseqüência desta nova visão. Resultado financeiro não é causa, mas conseqüência da mudança de mentalidade da velha empresa para a nova empresa, valorizando o diálogo com seu público.

Finalmente, é preciso que as empresas entendam que a competência técnica de um colaborador tem o mesmo peso que a capacidade desse colaborador de realizar idéias e sonhos. Portanto, todo o planejamento estratégico e ações precisam ser feitos abrindo-se o diálogo com todos, buscando o empenho de todos na realização aquilo que elas mesmas planejaram.

Isso fará com que realmente as pessoas sejam mais felizes em sua organização e, consequentemente, fará com que sua empresa se torne mais produtiva, lucrativa e duradoura no mercado.

4 comentários sobre “Os 5 Fatores de Sucesso do Empreendedor Inovador que compartilha e obtêm comprometimento

Comenta aê!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s