Mapeando a esquerda brasileira e seus 3 níveis de poder


Estou reblogando este artigo, pois ele é um verdadeiro serviço de conscientização política da população. Existem 3 níveis de esquerda no Brasil. Eu fazia parte do Nível Funcional. Felizmente, depois de muito pensar, analisar os outros níveis superiores e depois de colocar a prova a prática e teoria esquerdista na prática, vi que estava errado. Porém, não tinha uma análise tão detalhada e clara como esta para me apoiar.

Política Sem Filtro

direita-esquerda

Este texto tem como pretensão mapear os níveis de poder e influência dentro da esquerda política no Brasil, assim como compreender os princípios básicos de pensamento e ação de cada nível.

Começo categorizando a esquerda brasileira em 3 níveis: o nível ideológico,  o nível estrutural e o nível funcional. Segue uma breve descrição inicial de cada nível:

Nível ideológico: este é o nível superior de influência e poder. Aqui estão os “velhos lobos” da esquerda brasileira, que são os mais preparados para dirigir o aparelho estatal e manipular os demais níveis, mantendo tudo dentro da esfera ideológica socialista/progressista. São hábeis em conduzir o jogo político pela dialética dos contrários.

Nível estrutural: este nível não é, necessariamente, guiado por alguma ideologia. Aqui o interesse que move seus componentes é o interesse econômico e a participação nas esferas do poder, pelo simples desejo de manter um alto status social e político, e acesso às fontes…

Ver o post original 2.084 mais palavras

Comenta aê!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s