A Loucura de Domina a Classe Média Brasileira e o Papel do Cristão na Sociedade


LUCÉLIA SANTOS É UMA AGENTE CULTURAL?

1º) Comentário em vídeo:

2º) Assista a entrevista da Lucélia:

3º) Para quem Lucélia fala?

No início da entrevista que a atriz Lucélia Santos deu a uma emissora de tevê portuguesa o apresentador pergunta:

“Como vocês, agentes culturais, com a sensibilidade muito a flor da pele, estão a ver este momento no Brasil?”

É exatamente isso que a Lucélia Santos é: uma agente cultural! Aliás, hoje podemos denominar que boa parte da “classe artística brasileira” como agente cultural. Mas o que significa ser um agente cultural? Será que é ser promotor da cultura, das artes, das virtudes humanas que exaltam e evoluem a humanidade?

Uma pessoa saudável ouvirá toda a descrição que ela faz da realidade no Brasil e vai dizer que ela é uma mentirosa e que está enganando os portugueses. Mas o que levaria uma pessoa que mora no Brasil, que acorda todos os dias, abre os olhos, se levanta da cama, vive, interage com as pessoas, trabalha, vê a realidade dos fatos e, quando assiste Lucélia Santos falando ainda acredita no que ela diz?

Será que a Classe Média que, supostamente, teve mais acesso a informação e que tem mais conhecimento para interpretar corretamente os fatos políticos e sociais, é enganada com um discurso assim puramente panfletário? Se a entrevista Lucélia foi direcionada à militância esquerdista para que continuem na “resistência”, como funciona esse mecanismo de comunicação?

CONTEXTUALIZAÇÃO SOBRE A ATUAL CULTURA VIGENTE

Primeiro, é preciso entender que todo esquerdopata é um fingidor histérico que não diz o que sente, mas sente o que diz. Isso é uma coisa de louco! Clinicamente podemos analisar e ver que o esquerdismo se trata de uma esquizofrenia coletiva, que não buscam mas a verdade, mas a pós-verdade: O esquerdopata enxerga o mundo distorcido pelas lentes ideológicas.

Karl Marx dizia que ele não queria entender o mundo, mas transformá-lo. Portanto, até mesmo a ciência e o todo o conhecimento é ressignificado para a construção deste novo homem e esse novo mundo. Assim, eles são desprovidos de senso moral, pois todo que fazem é justificado para a construção de um novo homem e de um novo mundo e ninguém pode julgá-los pelo que fazem! Ou, como costumam dizer todos os ditadores genocidas: “Só a história me julgará!” Se hermenêutica ideológica deles serve para revolucionar o mundo: eles não possuem mais uma razão que busca a ciência da verdade, mas uma fé religiosa amoral e relativa.

Assim, desde Karl Max, os esquerdIstas aprenderam que eles possuem um poder mágico de subverter a realidade e transforma-la pela palavra. Podemos dizer que Marx era um ateu com muita fé de que o que ele dizia sobre a realidade poderia transformar até mesmo o passado. Marx era um lunático que acreditou que, bastava ele dizer que a História deveria ser recontada a partir das Lutas de Classes que, ele teria o poder de mudar o passado. E mesmo todos sabendo que isso era loucura e que nunca existiu luta de classes na história, foi a dialética marxista, que junto com o método educacional revolucionário de Paulo Freire, que ainda hoje domina as nossas escolas e universidades.

A Cultura Vigente no Brasil e em todo mundo ocidental é o marxismo e suas variações: progressismo, esquerdismo ou socialismo. É aí onde entra a loucura que domina a Classe Média brasileira. As nossas universidades, que deveriam promover a Alta Cultura, a universalização do conhecimento, o conhecimento científico e técnico para o mercado e a virtudes humanas, morais e éticas para o progresso social e da nação, apenas (de)forma a mente de nossos jovens.

A CLASSE MÉDIA BRASILEIRA ESTÁ CADA VEZ MAIS BURRA

Resultado? Temos hoje uma “elite intelectual” louca! Os 2,5% da população que tiveram condições de concluir o ensino “superior” foram doutrinados a terem uma fé ideológica para interpretarem a realidade não como ela é, mas como elas acreditam que deve ser.

Concluindo: Se sabemos que quem domina a escola, domina o mundo, não podemos esperar nada além de uma classe média cada vez mais burra, histérica, improdutiva e dominada.

A solução? Estamos no meio de um guerra cultural e para vencermos, os contrarrevolucionários (cristãos, conservadores e liberais) precisam voltar a dominar a Academia e as Artes com a ocupação de espaços. Hoje, a contracultura é ser cristão, conservador ou liberal.

SOBRE O PAPEL DOS CRISTÃOS NA SOCIEDADE

Os cristãos precisam conhecer que o Evangelho de Jesus é contracultural. Para voltarmos a dominar a Academia e as Artes, precisamos entender qual o papel deve ser o correto papel do cristão na Academia e nas Artes. Precisamos entender o Mandato Cultural e o Mandato Social e o verdadeiro Evangelho de Jesus Cristo e obedecermos ao seus ensinamentos de que devemos ser sal e luz. Precisamos entender cumprir a Grande Comissão de Mateus 25, onde no verso 19, Jesus diz para que os seus discípulos (que deveriam ser todos os que se dizem cristãos) façam discípulos de todas as nações.

O teólogo John Stott, escreveu o livro “O Discípulo Radical”. Ele nos dá 8 marcas de um verdadeiro discípulo de Cristo e duas delas é o Inconformismo e o Cuidado com a Criação. Se você é um cristão verdadeiro e quer ser um agente contracultural que atua na Academia e nas Artes, precisa entender o que Deus espera que você faça no mundo e obedeça ao que Jesus Cristo nos ordenou que façamos.

Somente assim, o discurso amalucado de Lucélia Santos será um dia visto como ele realmente é: um surto de fingimento histérico. Não xingue, mas ame e ore por Lucélia Santos. Faça isso por todos os agente culturais como Lucélia e por todos os esquerdopatas, para que eles tenham o pleno conhecimento da verdade, como está escrito em 1 Timóteo:

“Exorto, pois, antes de tudo que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens, pelos reis, e por todos os que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida tranqüila e sossegada, em toda a piedade e honestidade. Pois isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador, o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade.” (1 Timóteo 2:1-4)

Wesley Porfírio
https://fb.com/CristaoQueProtestam

Comenta aê!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.