Como Lutar Espiritualmente Contra os Poderes Políticos?


“o mundo inteiro jaz no Maligno”

1 JOão 5.19

Veja como a Igreja faz oposição aos sistemas políticos deste mundo e as ações desesperadas do Inferno para tentar destrui-la.

INTRODUÇÃO:

A revista Veja, em 19 Jan 2019 trouxe uma reportagem  sobre o assunto: “Morrer ou ser perseguido por causa da fé tem feito parte dos riscos enfrentados por 245 milhões de  cristãos mundo afora. Em seu levantamento de 2019, a organização não governamental Portas Abertas registrou 4.305 casos de pessoas mortas por serem cristãs, o que representa aumento de 40,4% na comparação com a pesquisa anterior.”[1]

Em todo lugar, em todo tempo, nas mais variadas históricas e culturais sempre houve resistência à obra da igreja (a noiva de Cristo). Tanto o Novo Testamento, como a experiência missionária, sempre tem mencionado a ação de Satanás contra o povo de Deus e o avanço da obra da igreja.

QUAL A VERDADEIRA GUERRA?

“Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para poderdes ficar firmes contra as ciladas do diabo; porque a nossa luta não é contra o sangue e a carne, e sim contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes.”

Efésios 6:11,12

Quando o Apóstolo Paulo escreveu sua carta aos cristãos Éfeso, ele queria que a igreja da cidade tivesse conhecimento da verdadeira guerra e quem realmente eram seus opositores. Assim, Paulo explica que a luta da igreja não é contra os seres humanos, e sim contra os principados e potestades”, ela aponta para dois tipos de oposição:

  1. Oposição Espiritual: Principados
  2. Oposição História: Potestades

Na hermenêutica histórico-redentiva interpretamos todas as ações como Deus cumprindo os seus santo propósitos e resgatando seus eleitos dos poderes de Satanás, que sabe que já está derrotado, mas se move em oposição a todo avanço do reino de Deus através da igreja, porque é inimigo de Deus.

Contudo, a obra da igreja não sofre apenas a ação do diabo, mas dos poderes temporais. Isto se torna claro no livro de Apocalipse. Você já ouviu falar que estamos vivendo em uma guerra espiritual que é muito maior do que o que os nossos olhos vêem? Então leia o que João revela sem sua visão do fim dos tempos:

“Os reis da terra se prostituíram com ela e com o vinho da sua devassidão.”

Apocalipse 18.2

“O texto descreve como os poderes políticos e terrenos estão profundamente mesclados com a filosofia da besta e do anticristo (Ap 17.13,17). Por seguirem a besta e concentrarem todas as suas energias na promoção deste poder maligno, oferecem-lhe o poder e a autoridade (Ap 17.13) e doam-lhe o reino que possuem (17:17), são por sua natureza intrínseca, comprometidas com a besta e opostas ao Cordeiro. Por isto “pelejarão contra o Cordeiro”. (Ap 17.14) Os Poderes políticos não são descritos em apocalipse como poderes “neutros”, mas estruturas sistêmicas que promovem a besta. Babilônia está muito associada com a besta, na realidade o texto descreve a cidade  como que ‘montada numa besta”. (Ap 17.3) Isto é, sua estrutura está fundada na filosofia e no projeto da besta. Roma, com seus poderes constituídos, com os dez chifres, representa o movimento perseguidor da igreja de Cristo durante a história, personificada em sucessivos impérios mundiais.”[2]

COMO SE PREPARAR PARA A GUERRA?

Como você quer lutar em uma guerra sem as armas certas?

Se você não consegue explicar com a ciência humana e a filosofia tudo o que os seus olhos vêem, então que o Espirito Santo abra seus olhos espirituais pelo força do poder da sua Palavra.

A igreja de Jesus Cristo é vitoriosa e segue triunfante “as portas do inferno não prevalecerão contra ela.” (Mt 16:18) porque a ação não é do inferno contra a igreja, mas da igreja contra o inferno. As portas do inferno não prevalecerão contra a ação da igreja contra o inferno!

A igreja continuará a entrar com os dois pés na porta do Inferno para resgatar as almas perdidas, porque é Jesus Cristo quem está a frente.

Se você faz parte da igreja, você precisa lutar esta guerra com a “panoplian” (armadura, proteção de Deus) “para firmes contra as ciladas do diabo.” (Ef 6:11)

Então, como podemos ver essa igreja vitoriosa se a mídia só nos mostra a ação do Inferno contra a Igreja? Nós podemos ver pelos olhos da fé nas promessas de Deus em Apocalipse de que o Cordeiro de Deus que venceu a morte voltará para resgatar a sua noiva.

QUAL O VERDADEIRO INIMIGO?

A nossa luta não é contra os agentes políticos que servem aos poderes das trevas. Estes políticos estão escravizados pelos dos κοσμοκράτορας (Kosmokratoras) que são os poderes das trevas.

“Kosmokratoras é um termo grego que se refere a grupos de estrategistas helênicos que reuniam-se durante épocas de guerra, sentados em uma mesa redonda, com o objetivo de estudar as informações e traçar planos de sabotagem contra o exército inimigo. O Espírito Santo decidiu usar esta mesma palavra, Kosmokratoras, para seres espirituais a qual foi traduzida pomposamente como ‘dominadores deste mundo tenebroso’ em português e que aponta para um grupo de seres malignos o quais, cientes da situação do inimigo (no caso o Reino de Deus) traçam planos de sabotagem contra a Igreja que avança.” [3]

Então o que fazer? Como você vai lutar nesta guerra? Você conhece a armadura de Deus? O que você pode fazer contra os poderes satânicos na política? Será que você confia em Deus como sendo o Senhor da História? O Senhor Deus é o Senhor da sua vida e da sua história?

APLICAÇÕES:

1º) A coisa mais importante e urgente que você deve fazer é se arrepender de sua arrogância de achar que pode lutar contra o kosmokratoras fora do exército de Deus. O exército de Deus é a sua igreja e sem o seu general que é Jesus Cristo não podemos fazer nada. Ore e peça perdão a Deus pela sua ignorância e insolência diante, porque Ele é o Rei Soberano sobre os céus e a terra e Ele é santo. Peça perdão de querer salvar o Brasil e se esquecer que precisa ter sua alma salva por Jesus.

2º) Revista-se da πανοπλίαν (panoplian) que é a armadura de Deus contra a kosmokratoras. Vigie e ore pedindo a Deus para que você ser resposta de sua própria orações. Ore por amor aos perdidos, mas ame aos vossos inimigos e ore pelos que vos perseguem. Busque a santificação, uma vida devocional diária e de intimidade com o Espírito Santo.

3º) Seja submisso a vontade de Deus na sua vida. Submeta-se aos bispos da igreja em amor a Cristo, porque não há ação da igreja individualizada. Deus não tolera rebeldia de quem aceita só a Cristo como o cabeça da igreja, mas não está em comunhão com seu corpo por meio dos sacramentos. Busque uma comunidade cristã de remanescentes na fé cristã e que queiram servir ao Senhor e ao próximo no amor do Senhor. Uma comunidade que queira servir ao Brasil, mas ser negligenciar o serviço nas esferas locais.

QUAL A NOSSA ESPERANÇA VIVA?

Está achando difícil ser soldado de Cristo?

1º) Saiba que Jesus nunca disse aos seus discípulos que seria fácil. Jesus disse: “Eis que vos envio como ovelhas ao meio de lobos” (Mt 10.16), mas Ele disse isso porque seria Ele o bom pastor que nos protegeria e não nós de nós mesmos. A ação é dEle, a obra é dEle e a igreja é dEle.

2º) Não é fácil ser soldado de Cristo nas esferas públicas, principalmente sabendo da realidade espiritual, mas Jesus Cristo promete que nunca estaremos sem o seu Santo Espírito. Ele prometeu aos seus discípulos: “eis que estou convosco todos os dias até à consumação do século.” (Mt 28:20)

3º) Ao vencedor será dado a coroa da vitória. Paulo escreve para seu discípulo Timóteo de que em breve ele seria morto, mas mesmo assim seria vitorioso em Jesus Cristo, porque a glória de Paulo não estava neste mundo, mas em Cristo. Paulo disse:

“Quanto a mim, já estou sendo derramado como libação, e o tempo da minha partida está próximo. Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda.”

Timóteo 4.6-8

Que Deus nos ajude a aprendermos a lutar da forma correta contra os poderes políticos que militam contra a noiva de Cristo.

[1] VEJA: https://veja.abril.com.br/mundo/morte-de-cristaos-aumenta-40-em-2018-diz-ong-portas-abertas/

[2] VIEIRA, Samuel – Tudo sob Controle. São Paulo, Editora Cultura Cristã, 2000, p. 166.

[4] MASCARENHAS: http://kosmokratoras.blogspot.com/2008/05/kosmokratoras-o-significado.html

Comenta aê!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.